Pessoas dialogando Hiring bonus

Hiring bônus: entenda os benefícios dessa estratégia

Apesar da expressão em inglês, o hiring bônus é uma estratégia fácil de ser compreendida. Traduzido como bônus de entrada, é uma compensação financeira oferecida na contratação de executivos que assumem cargos de diretoria ou estão acima dos diretores na escala hierárquica.

Esse bônus é financeiro, pago em até três vezes após a contratação. Seu objetivo é atrair e reter profissionais de alta performance, por isso, não costuma ser aplicado em cargos de gerência ou que estão em degraus inferiores.

Sua empresa tem posições no alto da pirâmide? Então, continue a leitura e entenda melhor o conceito.

Como funciona o hiring bonus

O hiring bonus é um plus financeiro pago ao executivo logo que inicia suas atividades na empresa. Pode ser descrito na folha de pagamento, estando sujeito à tributação, ou fornecido de maneira independente, como uma ajuda de custo.

A quantia pode ser integralmente paga no primeiro recebimento, ou dividida até o terceiro mês de contrato. Empresas costumam adotar a forma parcelada para manter o colaborador durante a experiência, já que ele perde o direito ao benefício pendente se for desligado antes. Dessa forma, garante um intervalo maior para a retenção do talento.

Benefícios da estratégia

O ponto alto do hiring bonus é utilizá-lo na abordagem do profissional. Como o valor pode ser concedido legalmente, mas não tributável, as empresas têm certa liberdade para negociar o valor e, consequentemente, fortalecem seus argumentos na hora da contratação.

Além de facilitar a negociação, também garante ao profissional certa estabilidade na mudança de emprego. A transição entre empresas é sempre uma decisão difícil, especialmente na alta hierarquia. O bônus surge como um incentivo financeiro para a mudança e garantia de segurança do processo.

Hora certa de utilizar

Empresas que resolvem adotar o hiring bonus geralmente têm 4 oportunidades de colocar a estratégia em prática.

Atrair profissionais

Alguns cargos e setores exigem experiência prática, conhecimentos e habilidades específicas. Como, por exemplo, em determinadas indústrias ou no setor funerário, cujas atividades apresentam diversas particularidades e poucos profissionais realmente experientes no mercado. O hiring bonus é utilizado no hunting desses profissionais, tornando a proposta mais atrativa.

Valorizar a proposta

Pode acontecer de, no processo de hunting, o recrutador estar disputando com a atual empresa do profissional e outro concorrente que também tenta absorver esse profissional. O bônus então valoriza a proposta e torna a empresa mais atrativa no mercado.

Como ajuda de custo

O executivo perfeito mora em outra cidade? Ofereça o bônus de entrada como uma forma de custear a mudança de local. Disponibilize a quantia para que ele invista no processo da melhor forma.

Como compensação

O profissional está inclinado a aceitar a proposta, mas o empregador fez uma oferta irrecusável? Hora de usar o hiring bonus para compensar a recusa ao atual emprego ou a outras propostas.

O hiring bonus, apesar de sua tradução ser “bônus de entrada”, também pode ser visto como uma carta na manga. Aplicado na hora certa, de maneira estratégica, é uma poderosa ferramenta para atrair e reter os profissionais do mais alto nível disponíveis no mercado.

Deseja continuar recebendo dicas valiosas? Curta nossa página no Facebook e confira as novidades sobre atração de talentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *