uma mulher sorrindo sorrindo e com semblante confiante represeta o líder facilitador

Aprenda as melhores formas de se tornar um líder facilitador

O nome não mente: um líder facilitador é aquele que torna tudo mais simples para a equipe, tanto no sentido da gestão das relações quanto das tarefas. Esse estilo de liderança trabalha com muita empatia, olhando para cada indivíduo de forma atenciosa, entendendo como ele funciona e se adaptando.

Resolução de conflitos e tomada de decisão compartilhada são características. É importante, então, trabalhar as habilidades e competências para conseguir se integrar ao contexto individual e do time, a fim de gerenciar as interações em busca do alto desempenho. Quer saber como? Continue lendo!

Não tente controlar tudo

Coloque o seu ego de lado. Você nunca vai conseguir ser um líder facilitador caso não seja capaz de ouvir e observar como os outros funcionam. Para alcançar essa meta é muito importante descentralizar: não seja aquele chefe controlador.

É claro que lideranças devem manter tudo em ordem, mas não de forma tão engessada quanto a tradicional. É possível manter o controle das coisas, seguindo o fluxo das pessoas e intervindo de maneira saudável. Assim, resultados melhores são alcançados.

Seja aberto

Você já teve aquele “líder” inacessível? A porta da sala dele está sempre fechada, ele nunca tem tempo, mal olha na sua cara quando cruza com você pelos corredores etc. Um líder facilitador deve estar em constante contato com a equipe, a fim de entender como ela funciona e, assim, conseguir interagir e direcionar.

Fale abertamente sobre as questões e se abra para ouvir a todos da equipe, inclusive quando isso contrariar suas concepções pessoais. Delegue tarefas e compartilhe a tomada de decisão: não importa quem leva o crédito. Sempre se pergunte: como posso facilitar a vida da minha equipe?

Colabore com a equipe

Um dos fatores importantes da liderança facilitadora é a proximidade da equipe, não mandando ou distribuindo tarefas, mas sim participando ativamente com os colaboradores. Na verdade, você vai entender quais são os maiores desafios da equipe — podendo facilitar a vida dela — quando, na prática, for afetado por eles.

Lembre-se de que o líder também faz parte do time. As suas capacidades, habilidades e talentos devem aparecer no desempenho. Você deve se tornar um exemplo para colaboradores que desejam se desenvolver. Combine isso com humildade e a abertura do tópico anterior: sucesso!

Mentoria Empresarial para Lideranças é uma chave para o sucesso

Desenvolva sua liderança

Características como empatia, saber ouvir, resolver conflitos, entre outras, são todas provenientes do aprimoramento pessoal e foco na carreira. Autoconhecimento, inteligência emocional, métodos de comunicação e feedback: tudo isso pode ser aflorado quando você se preocupa em desenvolver a sua liderança.

Não importa qual é o ponto de partida, mas sim que você comece de algum lugar. Mesmo que você seja um líder centralizador, é hora de iniciar a sua jornada. Sendo assim, para ser um líder facilitador e agregar verdadeiro valor para o dia a dia da sua equipe e para as pessoas envolvidas, é fundamental focar no seu desenvolvimento.

Por fim, pense em quais são as habilidades e competências que você precisa trabalhar. Quais são os pontos que incomodam você? Quais são seus pontos fortes? Faça uma análise sobre o desempenho atual da sua liderança. Elenque os pontos que se destacam. Coloque como meta ser um líder facilitador, explorando suas características pessoais.

Que tal conversarmos sobre isso? A RHOPEN é expert em desenvolvimento de lideranças: entre em contato conosco!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *