A aplicação de uma pesquisa de clima organizacioal aponta seus pontos fortes

Pesquisa de clima organizacional: descubra o que é e como fazer!

As empresas devem estar cientes da criação de ambientes propícios a melhorias nos relacionamentos internos e externos. Ou seja, avaliar o grau de satisfação com o contexto que os cerca — e é para isso que é realizada a pesquisa de clima organizacional. Com ela, o gestor sabe se o clima da empresa necessita de melhorias internas que motivam todo o processo e os resultados institucionais.

É como encontrar um equilíbrio entre as expectativas dos empreendedores e as dos funcionários. Portanto, a aplicação de uma pesquisa de clima, além de demonstrar claramente os problemas organizacionais, também aponta seus pontos fortes, pois visualiza o estado real percebido e vivido por todos os inseridos.

Continue lendo o post para entender melhor como aplicar essa estratégia que tem tido muito sucesso nas empresas. Confira!

O que é uma pesquisa de clima organizacional?

Utilizadas para treinamento e desenvolvimento organizacional, as pesquisas climáticas fornecem uma imagem das necessidades da sua organização. Elas podem ser usadas para solicitar opiniões dos profissionais sobre uma variedade de elementos, como o sucesso da empresa em comunicar sua missão aos colaboradores ou questões locais, como a qualidade do ambiente de trabalho.

Quais são as dicas para a realização dessa pesquisa?

Veja algumas informações que podem ajudar você e facilitar esse processo. Confira!

Planejamento e viabilidade do projeto

Saiba por que a pesquisa está sendo realizada. Em seguida, são realizadas reuniões entre os gestores para determinar as metas e objetivos, bem como o conteúdo do projeto, seja implementada por meio grupo focal ou não.

Essa análise de viabilidade garantirá que as informações críticas sejam coletadas da maneira que melhor se adapte às necessidades do cliente e ajudará a determinar o melhor método de coleta de dados.

No próximo passo, determine a escala de classificação a ser usada, por exemplo: muito satisfeito, satisfeito, indiferente, insatisfeito e muito insatisfeito. Dessa forma, desenvolver um questionário usado para pesquisas dos funcionários, geralmente, contém itens classificados em uma escala de 5 pontos.

Esses itens podem ser desenvolvidos para medir diferentes dimensões da organização (por exemplo, comunicação, trabalho em equipe, liderança, iniciativa, gerenciamento, remuneração). Os questionários também incluem tipicamente uma ou mais perguntas abertas para solicitar feedback por escrito.

Definição de objetivo e criação de perguntas de acordo

Geralmente, o questionário é a escolha para criar a definição de objetivo. Ele pode ser com funcionários assinalando X para as questões que estejam satisfeitos ou respostas que podem marcar frequentemente, sempre, às vezes, nunca ou raramente.

As perguntas podem englobar diversos assuntos. Aqui está um exemplo de questões a serem incluídas em uma pesquisa de clima organizacional:

  • você gosta do ambiente de trabalho?
  • você está feliz em trabalhar na empresa?
  • você se sente motivado todos os dias quando acorda para o trabalho?
  • você vê oportunidades para crescer dentro da organização?
  • você acredita que os profissionais trabalham em colaboração?
  • você é tratado com respeito por seus colegas?
  • você recebeu feedback sobre o seu trabalho?
  • você já foi criticado por seu chefe?

Cálculo de tempo ideal de resposta

Ao estipular a quantidade de tempo ideal para concluir o questionário, você deve estimar cerca de 1 minuto por resposta. Se estiver usando um formulário de questionário impresso, considere usar os digitalizados em um computador. Deve-se notar que o design de uma pesquisa geralmente é um processo interativo — as perguntas são formuladas, reformuladas, testadas e assim por diante.

diagnóstico organizacional

Incentivo à participação dos colaboradores

É importante que os gestores saibam incentivar seus colaboradores para que a participação seja de total comprometimento. Para isso, é preciso avisar sobre a pesquisa, explicar a importância e mostrar que com essa estratégia será possível melhorar os campos que possam ser criticados, caso necessário.

Como analisar os dados coletados?

A análise básica de dados inclui médias de classificações. Diagnósticos mais complexos podem conter análise de itens e/ou estudo de fatores. Os tipos de quesitos que devem ser avaliados minuciosamente:

  • resumo da dimensão de desempenho;
  • resumo do desempenho vs. esperado;
  • classificações de itens individuais;
  • classificações de itens — desempenho vs. esperado (normatizado);
  • itens com classificação mais alta ou mais baixa (mostra os pontos fortes e fracos do indivíduo);
  • classificação organizacional e de grupos e recomendações para o desenvolvimento.

Você pode analisar os dados por divisão ou departamento organizacional, para avaliar os pontos fortes e fracos do grupo e da organização. Isso pode ser usado para apoiar ou promover treinamento e desenvolvimento organizacional.

Em resumo, obviamente, somente a pesquisa de clima organizacional não solucionará todos os problemas, mas será o suporte para tal. Além do mais, é preciso que um profissional experiente e qualificado analise as causas a serem examinadas, atue na interpretação dos dados e esteja a par de outros pontos que influenciam o clima.

Gostou do post? Aproveite para conhecer como o clima organizacional contribui para o engajamento de seus colaboradores!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *