Rh Digital

RH Digital: conheça os benefícios e impactos para a empresa

Você já deve ter notado que a preocupação da gestão de pessoas mudou muito nos últimos anos. Antes, não importava a natureza dos serviços, preocupações e cobranças com detalhes como horário e uniforme eram constantes. Agora, os profissionais são monitorados de acordo com suas funções. O foco está nos resultados.

Parte dessa mudança é de responsabilidade do RH Digital, proporcionada pelos avanços tecnológicos que a sociedade acompanhou e vivenciou nas últimas décadas. Basicamente, a tecnologia mudou a forma como fazemos negócios e nos relacionamos com os colaboradores de uma empresa.

O RH Digital não é só uma nova forma de administrar o capital humano. Trata-se de um conceito aplicável na rotina profissional. E você vai entender como funciona ao longo deste artigo. Vamos lá!

Conceito de RH Digital

O conceito de RH Digital pode ser definido como a inovação e evolução de processos e atividades relacionados à gestão de pessoas de um negócio por meio da tecnologia. Dito isso, trata-se da automação, uso da inteligência artificial, softwares e sistemas que apoiam e facilitam as tomadas de decisões, o desenvolvimento do capital humano e a administração do pessoal como um todo.

Esses recursos oferecem informações valiosas sobre os colaboradores que servem como base para escolhas estratégicas. Desde o processo de triagem de currículos, onde a inteligência artificial pontua quais perfis têm mais aderência para a vaga, até o acompanhamento da performance do profissional, facilitando seu avanço do plano de cargos e salários.

Benefícios do Rh Digital

A inovação no RH contribui com a evolução da empresa. Confira como isso acontece.

Segurança dos dados

Com a adoção de um sistema de RH completo e informatizado, a tendência é garantir a segurança dos dados. Informações sensíveis dos colaboradores são acessíveis apenas para indivíduos autorizados e podem ser facilmente recuperadas quando necessário.

Organização

O RH gera uma grande quantidade de dados todos os dias, exigindo que o departamento se organize para guardá-los e utilizá-los da melhor forma. A utilização de sistemas automatizados simplifica o armazenamento e análise, permitindo a geração de relatórios de forma mais eficiente e ágil para uma atuação estratégica.

Economia de recursos

Adotar o RH Digital é reduzir os custos operacionais associados à administração de pessoal. Como, por exemplo, diminuição dos gastos com armazenamento e impressão de documentos físicos, redução do consumo de papel, e claro, economia de tempo.

Otimização da rotina

Quem trabalha no RH sabe que a rotina pode ser bastante intensa. Com a implementação de soluções digitais, tarefas como a análise de dados e a geração de relatórios, como de turnover, podem ser realizadas com precisão e eficiência, eliminando a necessidade de criar planilhas manualmente.

Transformação digital

Empresas que não acompanham a transformação digital podem perder competitividade e ficar para trás no mercado. O RH digital desempenha um papel fundamental ao aproximar a organização dessa realidade, servindo como um ponto de partida para o desenvolvimento tecnológico em outros setores da empresa.

Como implementar o RH Digital

Não basta adotar tecnologias para a gestão de recursos humanos. A adoção do RH Digital vai muito além disso. Essa transição exige uma adaptação completa, englobando processos, a forma como o desenvolvimento de colaboradores é conduzido, além da mudança de mentalidade dos profissionais do setor.

Lembre-se sempre de que o objetivo é transformar o RH em um departamento inovador e estratégico, no lugar de se limitar ao serviço burocrático e operacional. Veja como fazer isso.

Identifique as reais necessidades da organização

Empresas organizadas, que visam o crescimento sustentável, estabelecem um planejamento estratégico. Esses objetivos devem estar alinhados com o RH, para que o setor possa trabalhar no desenvolvimento de lideranças e liderados em prol dos resultados esperados.

Para isso, os profissionais devem ter suas rotinas, aptidões técnicas e comportamentais mapeadas. É preciso identificar, ainda, quais lacunas devem ser preenchidas nas equipes para que os próximos recrutamentos internos e externos possam suprir essas necessidades.

O diagnóstico envolve, ainda, processos e rotina dos trabalhadores. Em se tratando da gestão de pessoas, job description, divulgação das vagas, triagem de currículos, admissão, processo de R&S, benefícios, comunicação interna e outros subsistemas de RH precisam de monitoramento e revisão para serem aprimorados.

Envolva a equipe

Assim que o diagnóstico de RH começar a ser planejado, informe a equipe. Explique do que se trata, por que será feito e quais os resultados da ação. Aqui, a ideia é que comecem a observar a própria rotina por outro olhar, pensando no que pode ser melhorado.

Após a finalização do processo, toda e qualquer ferramenta e recurso a serem implementados devem acompanhar um programa de treinamento eficiente, para os profissionais saberem como utilizá-los da melhor forma. Ao escolher os parceiros de jornada, considere um bom suporte.

Escolha as melhores ferramentas

O mercado está repleto de ferramentas voltadas para a gestão de pessoas. São dezenas de softwares que ajudam a administrar folha de pagamento, admissões totalmente digitais, controle de relógio-ponto online, entre outras facilidades que diminuem a incidência de erro e o tempo dedicado com as atividades repetitivas e operacionais.

Na hora de avaliar as opções, considere:

  • adequação das funcionalidades às necessidades da empresa;
  • cases de sucesso;
  • custo-benefício;
  • empresas que utilizam;
  • experiência de mercado;
  • suporte técnico.

Para facilitar, é possível contratar uma consultoria que realiza o processo completo de implementação do RH Digital para você. É o caso da Rhopen. Entre os serviços oferecidos, está:

  • diagnóstico das rotinas de gestão de pessoas, o primeiro passo para adotar uma cultura de RH digital;
  • mapeamento de processos da área, contribuindo para identificar as lacunas que podem ser preenchidas com o apoio das ferramentas;
  • criação de planejamento estratégico e orçamento da área, que direciona a empresa para opções alinhadas às necessidades e ao orçamento.

Como você pôde notar, o RH Digital é muito maior que as ferramentas tecnológicas disponíveis para a gestão de pessoas. Se trata de uma mudança na forma de conduzir o capital humano, reduzindo erros, tomando decisões mais precisas e otimizando a rotina dos profissionais envolvidos no setor.

Embora sejam softwares e sistemas que tornam o cenário real, a tecnologia trabalha para que os gestores de pessoas consigam utilizar as informações de maneira estratégica. O resultado é a concepção de um quadro de colaboradores engajados, motivados, produtivos e que se posicionam como embaixadores da marca.

Acompanhe os movimentos do mercado. Siga nossos perfis nas redes sociais e tenha informações valiosas sempre à mão. Estamos no Instagram, Facebook, LinkedIn e YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *