Rhopen Recife recebe gestores para debate sobre gestão de times hibridos

RHOPEN Recife realiza eventos no Nordeste para debater a gestão de times híbridos

A RHOPEN segue ampliando a presença no Nordeste do país e realizou, nos dias 25 e 26 de novembro, palestras e debates na Paraíba e em Pernambuco sobre a gestão de times híbridos. O padrão de trabalho, que se intensificou com a pandemia, consiste na conciliação do expediente presencial com o home office.

Os encontros contaram com palestras ministradas por Cátia Horsts, Diretora Comercial e sócia-fundadora da RHOPEN. Ela iniciou os eventos revelando que a RHOPEN nasceu de forma híbrida, pois desde o início tinham o ideal de poder trabalhar de qualquer lugar. Por isso, a empresa não teve impacto nesse sentido, mas teve que propor serviços de formas diferentes.

“São muitos os desafios nesse tipo de operação e muita coisa pode dar errado, como a comunicação, a produtividade, o engajamento, a falta de conexão, de motivação, o cumprimento de metas, o convívio com a vida pessoal, entre tantos outros”, afirmou a gestora,

Nesse sentido, ela deixou uma provocação: “Será que isso já não acontecia no modelo presencial? O modelo híbrido acentuou, mas esses podem ser problemas que já existiam na empresa. E aí a gente toca no ponto que tudo depende da liderança”.

Segundo ela, todo líder deseja ter uma equipe de alta performance, e para isso é necessário que as pessoas cumpram com o combinado. “Esse simples gesto de transparência resultará em uma equipe produtiva e integrada”, afirmou.

Em relação à falta de convívio pessoal, Catia pontuou tópicos considerados essenciais para a manutenção de um time integrado. “É fundamental prezar pela comunicação, ter clareza, saber demandar, abandonar o microgerenciamento, focar no planejamento mantendo foco no que é importante, realizar feedbacks constantes e ágeis e capacitar os colaboradores, aproveitando as facilidades tecnológicas disponíveis atualmente, que são muitas” explicou.

Sobre a gestão de horário, a diretora afirmou que não é preciso que todos os colaboradores trabalhem em um mesmo horário, desde que entreguem os resultados esperados.

“É possível ter pequenos blocos de horários em conjunto, mas é completamente viável que todos os colaboradores adequem o trabalho às suas rotinas pessoais, sem que haja prejuízo. Essa flexibilidade dá certo, mas é preciso que haja pessoas maduras na equipe e que haja uma comunicação clara”.

Fortalecimento no Nordeste

Os eventos foram destinados a coordenadores de RH, chefes de pessoal, CTOs, analistas e assistentes de Recursos Humanos. Estavam presentes representantes de empresas como Stellantis Jeep, BrazMotors, Autovia Veículos, Cervejaria Ekaut, Produtos Karintó, entre outras companhias dos segmentos de serviços e alimentos.

O evento de João Pessoa aconteceu no Duo Corporate Towers, no dia 25. Além de Cátia Horsts, também participaram Jacqueline Moura e Marcelle Araújo, Diretoras Comercial e Técnico da RHOPEN de Recife, respectivamente. Elas foram responsáveis por apresentar a empresa para o público paraibano.

No dia seguinte, o encontro pernambucano foi realizado na sede da Fluxo Digital, em Olinda, e contou com apoio da Macedo Rocha Advogados, parceira da unidade local da RHOPEN. “Nosso objetivo é fortalecer a relação com os parceiros locais e com empresas estratégicas em potencial”, disse Jacqueline Moura.

Ao final do evento, Cátia apresentou uma metáfora sobre o sol e a lua para deixar um conselho para os gestores presentes sobre motivação e integração dos colaboradores em sistema de trabalho híbrido: “Decida ser um astro para sua equipe, emitindo calor, energia, luz e direção”, finalizou.

 

Conheça os serviços da franquia em Recife

Com informações da assessoria local

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *